E que venha mais peixe

13 dez 2015
0 Comment
E que venha mais peixe

 Todo fim de ano chega mais peixes para dar mais vida ao nosso lago. Lógico que tudo tem seu tempo. Esse ano não pedimos pro Sr. Neri vir trazer mais peixes, senão povoa muito o lago e cria o que chamamos de “nanismo” (os peixes não crescem). Toda felicidade do mundo é o que desejamos à você, que faz de tudo para que seus sonhos estejam além de seu pensamento. Concretize! Foco, fé e força. E que venha mais peixe.

Horta orgânica natural

09 dez 2015
0 Comment
Horta orgânica natural

O produto orgânico não é apenas um produto cultivado sem o uso de adubos químicos e agrotóxicos. É um produto limpo, saudável, que provém de um sistema de cultivo que observa as leis da natureza e todo o manejo agrícola está baseado no respeito ao meio ambiente e na preservação dos recursos naturais. Veja algumas em especial do nosso sítio. Bom apetite!

O que você deseja iluminar por dentro?

09 dez 2015
0 Comment
O que você deseja iluminar por dentro?

O que você deseja iluminar por dentro? Nos comentários, conte onde está sua curiosidade. Se você tivesse uma câmera que apenas captasse imagens sutis, internas, profundas, para onde a levaria? Em quais experiências da vida você gostaria de dar zoom, de ganhar clareza? Pés no chão, ar entrando, ar saindo, olhar sereno… QUER COLOCAR ISSO EM PRÁTICA? Para quem está cansado de apenas ler, entender e compartilhar sabedorias que não sabemos como praticar, criamos o lugar: um espaço meio sítio meio fazenda onde todos possam vir ficar junto ao presente da nattureza. Pés no chão, descalço olhar sereno Ar entrando Ar saindo

Encontrar a tranquilidade

07 ago 2012
0 Comment
Encontrar a tranquilidade

Encontrar a tranquilidade, sem culpa Partilho hoje uma história/texto adaptado e traduzido do livro “Who ordered this truckload of dung?” do Ajahn Brahm. Muitos têm um jardim ou um espaço tranquilo mas poucos conseguem desfrutar da sua tranquilidade, em tranquilidade. Algumas pessoas antes de se permitirem desfrutar da tranquilidade do jardim pensam que antes têm que resolver todas as pequenas coisas que precisam de ser tratadas: cortar a relva, tratar das flores, cortar os arbustos, varrer o chão…e obviamente o seu tempo livre é consumido com uma fração de todas estas pequenas coisas. O trabalho nunca está terminado, por isso nunca têm um momento de tranquilidade. Outros ignoram essas ferramentas e.